Video Games
0comentários

Game Review: Pokémon Omega Ruby

por em 15 de fevereiro de 2015
Detalhes
 
Plataforma
Desenvolvedor
Gênero
Tempo de Jogo

30 horas

Série/Franquia

Pokémon

Diretor/Produtor

Game Freak

Data de lançamento

Novembro de 2014

Avaliação do Editor
 
Jogabilidade
9.5

 
Gráfico
9.0

 
Modo Single Player
9.6

 
Modo Multiplayer
9.5

Pontuação Total
9.4

Deslizar para avaliar
Avaliação do Usuário
 
Jogabilidade
10

 
Gráfico
9.6

 
Modo Single Player
9.1

 
Modo Multiplayer
9.3

Pontuação do Usuário
2 ratings
9.5

You have rated this

 

Hoje faremos uma viagem no tempo trazendo o remake de um dos mais populares jogos de uma das franquias mais conhecidas do mundo. Hoje falaremos dos monstros de bolso de Pokémon Omega Ruby e, consequentemente, um pouco do Alpha Sapphire.

Franquia

Lançado em 1996, junto com o Game Boy Pocket, Pokémon chegou ao mundo em duas versões: Red (Poket Monsters Aka) e Green (Poket Monsters Midori) e traziam em suas capas, respectivamente, o Charizard e o Venussaur. O diferencial de Pokémon é que apesar de seu objetivo ser capturar todos os pokémons, cada versão disponibilizava aproximadamente 120 espécies, sendo necessário realizar trocas com possuidores da outra versão para, enfim, atingir os fantásticos 151 pokémons.

O sucesso do par de jogos foi tão absoluto que garantiu um anime no ano seguinte, e no dia 1 de abril, não, não era mentira, tínhamos Pokémon em cores. Desde então, a série só cresceu e se tornou popular por todo o mundo. E antes que perguntem, quando a primeira geração veio para o lado ocidental do globo, em 1998, uma das cores mudou sim. Tínhamos as versões Red (Charizard) e Blue (Blastoise).

Pokémon Aka Midori

Pokémon Omega Ruby

Desenvolvido pela Game Freak e distribuído pela Nintendo, Omega Ruby, assim como o Alpha Sapphire, é um jogo de RPG lançado em novembro de 2014 exclusivamente para 3DS sendo remake da terceira geração (Ruby, Sapphire) lançada originalmente em 2002.

Visual

Trazendo o mesmo visual do X e Y, temos Hoenn em 3D com redesenho em tudo. Das árvores, cidades, personagens, prédios. Tudo está renovado com aquele gostinho nostálgico.

Apesar dos 721 pokémons já disponíveis, nenhum novo é encontrado até a liga Pokémon, mantendo o mesmo padrão dos remakes anteriores (FireRed & LeafGreen e SoulSilver & HeartGold).

Fora o redesenho para assemelhar-se com o X e Y, Omega Ruby e Alpha Sapphire trouxeram uma novidade: Agora podemos voar livremente e explorar Hoenn no dorso de Latios (Omega Ruby) e Latias (Alpha Sapphire), que foi a novidade que mais aguardei e não me decepcionou. Nesse modo de vôo é possível acessar trechos que de outro modo não seriam possíveis (Surf, Fly etc.).

Sim, é tão legal quanto parece!

Sim, é tão legal quanto parece!

Jogabilidade

Trazendo os elementos mais clássicos da franquia, Omega Ruby segue a mesma receita de sempre, o que é muito bom.

Na segunda tela, de novidade, temos o AreaNav. O AreaNav exibe, além do mapa, as revanches e as frutas que estão prontas para serem colhidas. Quando existentes na rota em que você se encontra, os ícones são habilitados no canto da tela, um para treinadores e o outro para as frutas. Isso ajuda bastante na hora de evoluir seus pokémons (bem melhor que ficar no mato batalhando pokémons selvagens).

Outra novidade do jogo é o sneak. Isso mesmo, além de andar na diagonal, agora você pode andar devagar e silenciosamente. Essa função tem 2 utilidades. Primeira: Você pode passar pelos matinhos sem ser interrompido por pokémons selvagens, então, se não tiver repelente, vai na paciência de ficar andando devagar. Segunda: Periodicamente pokémons ficam parcialmente visíveis próximos a você. Esses pokémons são especiais, com habilidades especiais. Mas caso você chegue fazendo barulho, eles fugirão. Logo, vai devagarzinho pra surpreendê-los e capturar um Pokémon com habilidade especial.

A dificuldade do jogo foi bastante reduzida por 2 fatores. 1: “Super Training”, uma função do PlayNav que aumenta os EV (Efort Value ou Valor de Esforço) até o limite, fazendo com que seu Pokémon fique mais forte quando passa de nível. 2: Mega Evolução. Quando o Pokémon mega evolui ele fica equivalentemente forte a si próprio com 10 níveis a mais.

Graças a esses 2 fatores, o jogo que já era fácil, ficou até ridículo de tão fácil. Eu simplesmente passei da liga Pokémon em cerca de 22h de jogo sem nenhum Pokémon ter desmaiado uma única vez. Então, se você deseja algum desafio neste jogo, começa logo pesquisando regras de Nuzlocke Challenge.

História

Temos a clássica história de você salvando toda Hoenn da destruição iminente causada pela equipe Magma (No caso do Alpha Sapphire, equipe Aqua) quando tentam despertar o poderoso Pokémon ancestral Groudon (Em AS, Kyogre), que domina o poder do continente (no caso do Kyogre, dos oceanos). Apesar de todos os seus esforços para impedi-los, Groudon acaba sendo despertado e cabe a você impedir sua fúria sobre o mundo.

Paralelamente a essa aventura, vamos adquirindo as insígnias que nos darão acesso a aguardada Liga Pokémon, que não é surpresa pra ninguém a essa altura do campeonato. Após vencida a liga, “Fim”. Só que não!

Após se tornar campeão da liga Pokémon, várias pessoas têm suas Key Stone (chave para a mega evolução) roubadas. Paralelo a isso temos um momento armageddon onde um meteoro está para colidir com a terra. Em um embate filosófico sobre o que fazer, encontramos… Bom, essa história é nova, então, sem spoilers. Mas já aviso: preparem-se com MUITAS pokébolas pois poderão capturar 2 pokémons lendários em seguida em uma sequência de batalhas de tirar o fôlego regadas à muita história sobre a mitologia pokemoniana neste que foi denominado Episódio Delta.

Após o Episódio Delta, temos mais uma pequena continuação. Dessa vez no Battle Resort, onde podemos passar horas batalhando contra jogadores para receber BP (Battle Points) e tornar nossos pokémons mais poderosos ainda.

Demo

Não posso deixar de mencionar a Demo de Omega Ruby e Alpha Sapphire, sim, uma demo só. Mas com acontecimentos únicos e, sim, pokémons que podem ser capturados apenas na demo e transferidos para o jogo principal. Então, mesmo se você comprou o jogo, não deixe de jogar a Demo para expandir mais a sua pokedex.

Custo/Benefício

Nem espere para o jogo baixar de preço. Os preços dos jogos de 3DS são bem constantes e demorarão MUITO para baixar 10 reais no valor. Mas, como consolo, a relação preço pago por horas jogadas é bem agradável, considerando que você terá pelo menos 30 horas de jogo sem enjoar e, potencialmente, mais de 100 horas caso deseje fazer TUDO no jogo.

Minha nota para o jogo é 9.4. E você, prezado leitor, já começou a capturar pokémons? Compartilhe conosco sua opinião nos comentários!