Stranger Things – Suspense e Fantasia anos 80’s

por em 20 de julho de 2016
 

Dia 15 de julho, estreiou na netflix a série Stranger Things, com uma proposta de retomar alguns sucessos da decada de 80. A série se passa em Indiana (outra referência à década homenageada, alguém pescou?), tudo começa com pura nostalgia nerd, quando na primeira cena quatro amigos, saindo da infância para a adolescência, jogam o RPG Dungeons and Dragons no porão da casa de um deles. O líder Mike (Finn Wolfhard), o banguela Dustin (Gaten Matarazzo), do destemido Lucas (Caleb McLaughlin) e o simpático Will (Noah Schnapp) são uma referência clara aos protagonistas do filme Goonies. Depois de horas a fio adentrando o mundo de fantasia do jogo, o pequeno Will simplesmente desaparece ao voltar para casa em sua bicicleta numa noite. O mistério de seu sumiço é o que impulsiona a trama da série. Confira o trailer abaixo:

Temos a presença de grandes atores voltando aos holofotes, parece que a Netflix é a nova TV Globo dos atores americanos. Pois muitos que sumiram um pouco dos filmes, estão com ótimas produções exclusivas para o canal. Quem volta justamente nesse cenário nostálgico é  Winona Ryder (Os Fantasmas se Divertem), uma musa dos anos 80, ? da vida a personagem da sofrida Joyce Byers, mãe do menino desaparecido.

Stranger Things (3)




Falar sobre todos os elementos que fazem de Stranger Things um sucesso e mais uma série da Netflix para você fazer uma maratona ficou muito fácil, são apenas 8 episódios na primeira temporada. Começando pelo logo da série que é muito parecido com os títulos dos jogos de fliperama ou atari. Além da arte de imagem de divulgação, clássico nas máquinas de pinball da época.

Stranger Things (5)




Várias referências os diversos itens da cultura que marcaram a decada de 80, como o lançamento de Filmes (“Chance”), jogos de tabuleiro, roupas e tênis, até mesmo o enredo da série não escapa do que já conhecemos. Isso quer dizer, com coração na mão podemos relembrar filmes de sucesso como Goonies, ET e o Super 8. Onde um grupo de meninos apesar de adultos com planos maléficos, tem todas as formas e energias para superar o mundo dos adultos e manter a amizade com algo desconhecido acima de tudo e de todos.

Stranger Things (6)

Como também ocorre no filme ET o uso de bicicletas aparece na série Stranger Things, e a esperança de ver uma cena parecida é comparável. A trilha sonora faz o mesmo efeito de suspense e drama dos clássicos filmes de 30 anos atrás.

Stranger Things (2)

Para os marmanjos e fãs dos clássicos Goonies e ET (ou filmes do gênero) vale muito a pena fazer essa maratona de Stranger Things, para os novos jovens dessa década também vale assitir. Pois é uma série que surpreende pois se completa e não deixa muitas pontas soltas na primeira temporada. Apenas nas cenas finais, teremos um possível vislumbre de uma segunda temporada.

 

Você já conferiu a nova série Stranger Things? Sente saudades dos clássicos? Comente o que você achou.




Ei Geek, comenta ai!

comentários

Seja o primeiro a comentar
 
Deixe uma resposta »

 

Deixe uma resposta